28 de novembro de 2009

A Rainha do Castelo do Ar de Stieg Larsson

Rainha do Castelo de Ar

Com mais de 15 milhões de exemplares vendidos no mundo, a trilogia Millennium é uma das mais bem-sucedidas séries policiais dos últimos anos. Quer seja tratando da violência contra as mulheres, quer seja enfocando os crimes cometidos por magnatas ou pelo Estado, a saga cumpre sua principal missão: a de nos envolver numa leitura absorvente, cheia de mistérios.
Neste terceiro e último volume da série, Lisbeth Salander se recupera, num hospital, de ferimentos que quase lhe tiraram a vida, enquanto Mikael Blomkvist procura conduzir uma investigação paralela que prove a inocência de sua amiga, acusada de vários crimes. Mas a jovem não fica parada, e muito mais do que uma chance para defender-se, ela quer uma oportunidade para dar o troco. E agora conta com excelentes aliados. Além de Mikael, jornalista investigativo que já desbaratou esquemas fraudulentos e solucionou crimes escabrosos, no mesmo front estão Annika Giannini, advogada especializada em defender mulheres vítimas de violência, e o inspetor Jan Bublanski, que segue sua própria linha investigativa, na contramão da promotoria.
Com a ajuda deles, Lisbeth está muito perto de desmantelar um plano sórdido que durante anos se articulou nos subterrâneos do Estado sueco, um complô em cujo centro está um perigoso espião russo que ela já tentou matar. Duas vezes.
A rainha do castelo de ar enfoca de modo original as mazelas da sociedade atual, tendo conquistado um lugar único dentro da literatura policial contemporânea.

Um excelente desfecho para uma excelente trilogia!!!

Stieg Larsson escreve de forma a prender a atenção do leitor e o conduz pela trama com maestria. Achei fantástica as investigações e o suspense que marcaram a trama. Tenho certeza que Lisbeth será uma de minhas heroinas favoritas de todos os tempos. Mikael é o mesmo de sempre – totalmente focado em sua reportagem e em suas mulheres. Érica me surpreendeu agradavelmente nesse livro. Seu personagem cresceu e apareceu!

Nesse terceiro volume, vemos Lisbeth hospitalizada e presa. Sua situação não é das melhores, mas ela pode contar com amigos fiéis - Mikael, Dragan, Annika e o Dr Jonnason (que teve uma participação fantástica!) - que estão dispostos a tudo para provar sua inocência e a revelar a armação de que foi vítima.

Do um lado temos a Seção e seus espiões. Eles estão dispostos a tudo para calar Lisbeth e impedir a verdade de vir a tona – mesmo porque, se isso acontecer, eles vão ser os grande prejudicados. Do outro lado temos Mikael e seu companheiros – que se unem à polícia secreta (SAPO) - para impedir que, mais uma vez, a injustiça prevaleça. Uma batalha travada com muito jogo sujo, muita desinformação e uma tensão que me fazia ficar lendo até altas horas!

A história do livro é bem conduzida e Stieg fecha tudo com brilhantismo. Claro que algumas pontas ficaram soltas – pode até ser que ele fosse retomá-las em algum ponto no futuro, mas com sua morte prematura, como saber?  O que mais senti foi não se falar sobre a reportagem que Erika encomendou ao jornalista do SMP. E meu lado romântico também sentiu falta de romance, mas nada que a trama eletrizante não resolvesse.

6 comentários:

O Autor disse...

Olá, bom dia! Muito interessante seu blog, coloquei um link dele lá no meu http://666romance.blogspot.com onde estou divulgando meu livro “666 – Caçadores de Demônios”. Se tiver tempo, visite. Abração. Tim Marvim

La Sorcière disse...

Oi Rê!!
Esse livro lava a alma, né?
Confesso que derramei umas lágrimas durante o julgamento de Lisbeth...
Também senti falta de romance e torci por ela e Mikael até o final!!!
Bj

Carla Fernanda disse...

Oi, Regina.

Eu comprei essa série recentemente, e estou lendo o segundo volume.

Estou me tornando uma fã dessa trilogia. O enredo é fascinante e eltrizante. Suas emoções ficam à flor da pele da primeira a última página!!!

Não vejo a hora de encerrar o segundo livro, para começar o terceiro. rs.

Ansiedade a mil!!!

Vou sentir muita falta da Lisbeth, do Mikael... Os personagens são excepcionais e apaixonantes!!!!

Essa trilogia foi a melhor compra que fiz esse ano e vou encerrar com chave de ouro!

Em breve também postarei no meu blog http://sonhodereflexao.blogspot.com/ sobre essa trilogia, que me fascinou!!!

Parabéns pelo post.

Beijos.

Lili disse...

Muito legal o seu comentário Rê! Ainda não li essa trilogia, tenho receio de não fazer muito o meu estilo...
Mas, só lendo mesmo para saber né?
Valeu a indicação!
Bjssss
Lili

Celsina disse...

Oii, estava mesmo querendo ver o que vc achou desse livro, gosto tanto das suas resenhas.
Eu amei essa trilogia. E também achei que devia ter um pouco mais de romance nele :)
Beijos! ^^

Krika disse...

Oi Regina.
Por puro acaso encontrei seu blog e achei muito legal. Estava procurando mais informações sobre este grande escritor sueco Stieg Larsson que somente agora tive o prazer de conhecer. Comprei um de seus livros há quase dois meses, e devo confessar que pra uma leitora compulsiva foi um prato cheio. Sabe qual foi o livro? "A Rainha do Castelo do Ar". Não consegui parar de ler até ver o final, o que me causou alguns problemas, visto que tinha uma série de atividades pra realizar.
Ontem tive uma grata surpresa. Ao viajar a SP encontrei os outros dois livros da trilogia, e mais do que depressa comprei-os. Fiz o caminho inverso, mas estou muito ansiosa pra ler "os homens que não amavam as mulheres" e "a menina que brincava com fogo".
Gostei tanto desse escritor que estou ávida procurando outras publicações. Vc poderia me ajudar? Conhece mais livros dele? Pouco antes de descobrir teu blog fiquei sabendo que já filmaram um longa que foi baseado no primeiro volume da trilogia. Amanhã mesmo sairei a caça pelas locadoras da região.
Vou me manter atenta ao blog, e meus parabéns, gostei d+ dele e vou pegar outras indicações.
Bj