6 de abril de 2010

Line of Scrimmage de Marie Force

ELA DESISTIU DELE E PARTIU PARA OUTRA…

Susannah finalmente tem uma vida pacífica e calma e um homem sem surpresas. Seu casamento com o superstar do futebol Ryan Sanderson foi um redemoinho de paixão, calor, energia e excitação, mas Susannah se cansou de ser menos importante que seu time, de ver outras mulheres se jogando em cima dele, e de viver aterrorizada com os golpes que ele sofria em campo. Faltando apenas alguns dias para a oficialização do divórcio deles, ela já está planejando o casamento com seu novo noivo…

ELE FINALMENTE ENTENDEU O QUE É REALMENTE IMPORTANTE PARA ELE. SE APENAS NÃO FOR TARDE DEMAIS…

Ryan tem apenas dez dias para convencer sua futura-ex-esposa a lhe dar uma segunda chance. Ele acabou de ganhar seu terceiro campeonato e sua carreira está no topo, mas durante o ano em que ficaram separados, Ryan percebeu que isso não significa nada sem Susannah…

Esse livro foi proposto para um desafio no site GoodReads e eu simplesmente me apaixonei pelo resumo e decidi encarar a leitura. Pelo resumo, a gente assume que Ryan é o maior responsável pelo final do casamento, mas lendo vemos que foi a falta de diálogo que (quase) acabou com o relacionamento dos dois.

Susannah está tendo um jantar com seus futuros sogros e seu noivo (que tinha sido seu namorado de adolescência e nunca aceitou ser trocado por Sanderson), quando Ryan chega e vai entrando em casa como se nada estivesse acontecendo e como se eles não estivessem separados há um ano. Ele simplesmente informa a ela que quer passar os últimos dez dias de casados juntos e tentar uma reconciliação. Caso ela não aceite, ele vai ligar para seu advogado e colocar impedimentos na finalização do divórcio. Como está com o casamento marcado para o final do mês, Susannah aceita (claro que há outras razões para ela aceitar…). Achei que Ryan foi muito corajoso em propor essa chantagem, mas isso só mostra o desespero dele em fazer Susie dar uma segunda chance ao amor deles.

O que mais gostei no livro é que o casal admite que se ama praticamente no começo e têm de lidar com toda uma bagagem para fazer esse amor dar certo e voltar a crescer e resgatar o casamento – e, nesse ponto, a autora foi fantástica! É daqueles livros que você não consegue largar e tem muitas reviravoltas e surpresas, mas uma coisa não dá para discordar: Ryan é um homem apaixonado e intenso e fantástico! Uma leitura que já está entre as melhores desse ano, sem dúvida.

3 comentários:

Hérida Ruyz disse...

Oiê!
Meninaaaa! O que é aquilo na capa!
TDB...me abanaaa!
Adorei a resenha e o mote do livro. Casamento não é facil. he he
Bjs

Carla Martins disse...

Belo tanque. ahuahauauhuahau

Nilza Paula disse...

Tenho que concordar!!!! Belíssimo tanque!
Também gostei muito da resenha....Vou tb coloca-lo na lista de futuras compras....
;)
Beijos
Nilza