12 de agosto de 2012

Prazeres da Noite de Sherrilyn Kenyon

 

 

Alguma vez você já quis saber como é ser imortal? Partir em jornadas pela noite, perseguindo vampiros que transformam humanos em presas fáceis? Possuir riqueza e poder infinitos? Essa é minha existência, e ela é obscura e perigosa. Sou herói para milhares, mas não sou conhecido por ninguém. E eu adoro cada segundo disso!

Ao menos era o que eu pensava até a noite em que acordei algemado ao meu pior pesadelo: uma mulher certinha, usando uma blusa de botão. Ou, no caso de Amanda, uma blusa abotoada até o queixo. Ela é inteligente, sexy, espirituosa e não quer nem saber do mundo sobrenatural – em outras palavras, de mim.

Minha atração por Amanda Devereaux vai contra tudo em que acredito. Sem contar que, da última vez que me apaixonei, isso custou não só minha vida humana, mas também minha própria alma. Ainda assim, toda vez que olho para ela, me pego querendo tentar outra vez. Querendo acreditar que amor e lealdade existem.

Ainda mais perturbador que isso: me pego imaginando se há alguma maneira de uma mulher como Amanda amar um homem cujas cicatrizes de batalhas são tão profundas, e cujo coração foi danificado por uma traição tão selvagem, que ele já não sabe se baterá de novo.

Kyrian da Trácia

Dark-Hunters # 2

Segundo livro da série Dark-Hunter publicado no Brasil, mas na verdade é o primeiro da saga, pois o livro anterior é apenas uma introdução ao universo mitológico que Sherrilyn desenvolve com maestria e cativa seus leitores. Sherrilyn é uma autora que consegue misturar muito bem o humor e o drama e manter o leitor devorando suas palavras! A leitura rende muito, pois não conseguimos largar o livro tamanha a curiosidade para ver o que vai acontecer a seguir. O livro tem um ritmo vertiginoso e há muita ação e lutas e cenas pra lá de hots entre os personagens!

Amanda é irmã de Selena e gêmea de Tabitha, a caça vampiros. A família Devereaux é uma família em que o sobrenatural é coisa comum! Além da caçadora de vampiros e da leitora da sorte temos ainda uma sacerdotisa vodu. Amanda não quer nada com esse aspecto da família e, apesar de amar muito suas irmãs e seus pais, ela só quer saber de normalidade. Imagine então a surpresa dela em ser sequestrada e acordar algemada a um "vampiro" – mesmo esse vampiro sendo alto, loiro e lindo, ele continuava a ser um vampiro – ou não? Na verdade ele era Kyrian, um Caçador Negro.

Mas o que é Caçador Negro e quem é Kyrian? Kyrian da Trácia era o melhor amigo de Julian da Macedônia (Amante da Fantasia), pois os dois lutaram juntos e  eram comandantes dos exércitos gregos contra os romanos. Kyrian é agora um Caçador Negro (ainda estou me acostumando com essa tradução para Dark Hunter), um guerreiro imortal que luta contra demônios sugadores de alma (e de sangue também, claro).  Mas como Kyrian conseguiu ser um Caçador Negro? De acordo com a explicação que  Julian dá a Amanda isso se dá da seguinte forma:

"- Quando alguém sofre uma injustiça horrível – disse ele, em um tom grave – suas almas gritam tão alto que ressoa nas salas do Olimpo.  Quando Ártemis as ouve, ela vai até aquela que gritou e lhe oferece uma barganha. Por um único ato de vingança contra aqueles que lhe fizeram mal, ela jura fidelidade à deusa e luta em seu exército contra os demônios predadores." (pág 97)

Gente... Kyrian sofre mesmo uma injustiça horrível – e nós acompanhamos esse sofrimento e nos compadecemos dele – e acabamos nos apaixonando pela força, lealdade e amor que esse homem é capaz de sentir! Não é fácil para Amanda se lembrar que, por ele ser imortal, o relacionamento entre eles é quase impossível. E é essa impossibilidade que dá um sabor todo especial ao romance de ambos.

Kyrian está enfrentando um demônio particularmente cruel e inteligente e super poderoso – Desiderius. E esse demônio ameaça Amanda e sua família e o Caçador Negro se vê forçado a conviver com Amanda para protegê-la. E, nessa convivência, os dois vão percebendo que têm muito e nada em comum e também vai surgindo uma atração muito poderosa entre ambos. Mas Kyrian foi marcado por uma traição terrível e não sabe se está pronto a confiar novamente. E Amanda não quer reconhecer que tem poderes especiais, pois o desejo que sente em ser normal a faz negar qualquer coisa relacionada ao sobrenatural. Então, quando eles se entregam à paixão é algo intenso e poderoso!

Adoro o modo como a mitologia é retratada na obra de Kenyon, pois os deuses parecem pessoas comuns e tão perto dos humanos.  E já disse que tem muitas cenas hots? Pois tem! Kyrian e Amanda são muito lindo juntos e é incrível o modo como um vai conquistando o outro e vai se importando com o outro. E é incrível também o modo como um vai libertando o outro, mesmo não percebendo que precisavam ser libertados.

Se você não curte livros com vampiros, eu recomendo a leitura da saga Dark-Hunter, pois você vai descobrir que o universo vampiresco é muito maior do que imagina! Aqui a Mitologia tem um papel fundamental e a explicação que Sherrilyn traz para a presença dos dentucinhos em nosso mundo é fenomenal! Fora que os livros trazem romances maravilhosos e daqueles que encantam aos leitores.  Tenho certeza que você vai mudar de ideia!

 

.

3 comentários:

Lilian disse...

Oi Regina!

Estava esperando sua resenha desse livro! Queria saber se a qualidade da revisão/tradução está tão boa quanto a do primeiro. Se bem que eu não sei, estou quase comprando no Book Depository mesmo, está 5 dólares só... mas quero saber pro caso de não aguentar a espera pra ler, rs.

Adorei o Amante da Fantasia, e mesmo sabendo que não é sequência, quero ler mais sobre esse mundo. Adoro a escrita da Kenyon. Ah, eu li na ficha que o tradutor é outro, uma pena que não tenham mantido aquela moça...

bjs!

Regina disse...

Lilian,

A tradução está boa, sim. Não no mesmo nível do Amante da Fantasia, porém... Eu tenho por mim que a Novo Século pecou em não manter a mesma tradutora para toda a série, como a Rocco fez com a Outlander e a série Harry Potter (se bem que nem sei se HP é da Rocco, mas sei que a tradutora foi a mesma para todos os livros).

Uma coisa que não comentei, foi que detestei o modo como Were-Hunter foi traduzido: LOBISCAÇADOR!!!! Levei um tempinho para perceber do que estavam falando rsrsrsrsrs. Acho que fechou muito, pois tem vários tipos de were além dos lobos: tem tigre, urso... Só não comentei pq senão teria de explicar os diferentes tipos de Hunters e podia começar a dar spoilers.

Ah! e dando um ligeiro spoiler e fazendo um comentário: lembra em Amante da Fantasia, quando Julian vai ao club e pensa que viu Kyrian? Imagina os dois se encontrando!!!!! Só pra deixar vc com água na boca rsrsrsrs.

Sharon disse...

Adoooooro essa série! To aqui me atualizando no seu blog Regina. Achei ótimo saber que Dark-Hunter está sendo publicada aqui, agora posso indicar para as amigas!

Só preciso fazer um comentário: porque uma capa tão pobrezinha gente? A leitora desavisada que passar o olho em uma prateleira, vai ignorar o livro! hahahahah Isso é um pecado! :)