16 de junho de 2013

Heart of Obsidian de Nalini Singh

Entre no mundo explosivo e chocantemente apaixonante de Nalini Singh, autora best-seller do New York Times.

Um rebelde perigoso, volátil, com as mãos sangrentas.

Uma mulher cuja própria existência havia sido apagada.

Uma história de amor tão sombria que pode destruir o mundo.

Um preço mortal a ser pago.

O Juízo Final chegou.

Psy-Changeling # 12

 

Um dos livros mais aguardados do ano (pelo menos para mim!!!!) e posso dizer: valeu a pena a espera, pois Nalini caprichou – e muito – nessa história.

Nalini publicou os dois primeiro capítulos do livro em seu blog e vocês podem ler aqui. Então, antes do lançamento, já sabemos que o herói é Kaleb Krychek, Conselheiro e um homem tão frio quanto o Ártico. Mas quem é sua heroína??? Não vou revelar aqui na resenha, pois ainda tenho muita esperança de que essa série ainda saia aqui no Brasil e, portanto não vou estragar o suspense, mas posso dizer que foi uma grata surpresa conhecê-la!

Estou lendo algumas resenhas de fãs e leitoras e a maioria diz que esse é um dos livros mais românticos da série. Não sei se consigo concordar com isso com 100% de certeza, apesar de o romance entre Krychek e sua escolhida ser incrivelmente maravilhoso e, surpreendentemente, sensual ao extremo. É que essa é uma série longa e com protagonistas tão incríveis que não consigo escolher o melhor e mais romântico... Mas o que posso dizer com certeza é que Kaleb me conquistou e comoveu e surpreendeu muito ao narrar sua história! E, com isso, ele está praticamente empatado com Judd e Hawke como meus favoritos na saga!

Esse também é o primeiro romance onde os dois personagens centrais são Psy. E, como sabemos, os Psy enterraram seus sentimentos e não gostam de ser tocados ou de ter intimidades. E, conhecendo Kaleb de outros livros e vendo o quão controlado e frio ele é, fiquei imaginando o quanto esse livro não seria árido. Mas claro que Nalini não deixou por menos, mais uma vez, e as cenas entre Kaleb e sua heroína são densas e cheias de carinho e compreensão e uma sensualidade deliciosa! Mesmo com a frieza, Kaleb é um vulcão...

Achei maravilhoso o modo como Nalini conduziu a história de amor entre Kaleb e sua heroína! Os flashbacks que vão nos mostrando como eles se conheceram e como foram separados são intensos e belos! Impossível não se emocionar com a história desses dois amantes que sofreram tanto e agora precisam se reconectar e se salvar mutuamente. Tanto Krychek quanto sua amada passaram por situações terríveis que os transformaram no que são hoje, mas apesar das cicatrizes e das feridas, eles não quebraram e agora precisam se fortalecer e enfrentar os problemas que estão surgindo cada vez mais forte e impossíveis de serem contornados.

O livro foca muito no casal principal, mas não descuida da trama que vem sendo tratada na série e que está chegando ao ápice, principalmente os problemas com os Pure Psy e o medo com a proximidade  da quebra do Protocolo do Silêncio  e a provável guerra civil e queda da PsyNet. Kaleb, como ex-Conselheiro, faz parte ativa desse processo e entra em conflito constante com os Pure Psy e seus ataques terríveis e sangrentos. Ainda bem que ele pode contar com a ajuda e apoio dos Arrows.

Uma das coisas que me deixaram um tantinho triste foi que os Changelings apareceram bem pouco na trama! Senti falta de Hawke e Lucas e seus clãs, mas como disse, esse livro tinha como enfoque as transformações sociais e políticas e outras ainda dos Psys e, por isso, tinha de ser exatamente assim!

E um atrativo é que finalmente ficamos sabendo quem é o Ghost! E pelo menos ele era um dos personagens de quem desconfiava...

E agora é aguardar julho para saber quem será o herói do próximo livro. E já ansiosa para ver mais de meus personagens e série favoritos!

9 comentários:

Esther disse...

AI-MEU-DEUS!!!
Estou enlouquecendo aqui com esse livro pois como não leio em inglês terei que esperar por "ajuda" e ainda faltam dois livros pra chegar neste. Acho que talvez tenhamos gostos iguais pois o Judd é o meu preferido até agora (ainda não li o Hawke e mal posso esperar).
Obrigada pela resenha que me deixou completamente surtada pela longa espera que com certeza enfrentarei até conseguir ler este livro.

Esther disse...

AI-MEU-DEUS!!!
Amei sua resenha e estou enlouquecendo só de imaginar o tanto que terei de esperar até conseguir ler este livro ("daquele jeito" pois não sei ler em inglês). Ainda não li o Hawke, então o Judd tem sido o meu preferido até agora.

Regina disse...

Esther!!!

Esse livro é realmente maravilhoso!!! Pena que nenhuma editora brasileira se interesse por Nalini...

bjs

myrta disse...

Sou louca por essa série. Adorei todos os personagens, mas certamente o último livro da série superou minhas expectativas. O conselheiro Psy é tudo de bom, e um pouco mais ainda. Leiam e se apaixonem.

myrta disse...

Sou louca por essa série. Adorei todos os personagens, mas certamente o último livro da série superou minhas expectativas. O conselheiro Psy é tudo de bom, e um pouco mais ainda. Leiam e se apaixonem.

Mara Br. disse...

Simplesmente maravilhoso . O livro e sua postagem. É a primeira que vejo.
E devo admitir q o personagem principal dele neste livro -o kaleb - me surpreendeu por ser com ele.
Motivo de ser sempre tao frio..
Ele ja cometeu tantas decisões de vida e morte que é um pouco difícil. ..
Mas creu q i livro é exatamente para isso nos mostrar os mistérios q envolvem este personagem e que nao é frio como ele constantemente tem q aparentar ser . Confesso nao faço a mínima ideia d quem seja sua mocinha
Vou ter q esperar a tradução fo livro tbm...
Alias vc trm previsão pra quando msid ou menos ele será traduzido para nos smples mortais? Vc tem ele em inglês?

Regina disse...

Oi Mara.

Eu li em inglês. Acompanho essa série desde 2007 e, atualmente, é minha série número 1!!!!

Não faço ideia de quando sairá a tradução. Gostaria muito de ver publicada por aqui, mas tá difícil...

bjs

Camilla disse...

Oi, vc já leu o próximo Shield of winter? Estou curiosa, doida pra ler.

Camilla disse...

Oi, vc já leu o livro shield o winter? Tô doida pra ler. O que você achou?