21 de setembro de 2009

A Cruz de Fogo (1ª Parte) de Diana Gabaldon

 

Resumo:

América do Norte, outubro de 1770. Há muitos anos a discórdia entre os prósperos fazendeiros do litoral da costa leste e os pequenos lavradores do interior da colônia, a oeste, vinha sendo cozinhada em fogo brando. Os primeiros eram fervorosos partidários da Coroa Inglesa, os últimos plantavam as sementes de uma revolução que mudaria os destinos da civilização ocidental no final do século XVIII.

Proprietário de uma grande extensão de terras na Carolina do Norte, Jamie Fraser foi convocado a liderar uma milícia contra os rebeldes. No entanto, ele sabia que era uma questão de tempo até a independência das colônias ser conquistada.  Sua mulher, Claire, sua filha, Brianna, e seu futuro genro, Roger MacKenzie, haviam contado a ele sobre a Revolução Americana, que teria início em cinco anos, não fossem eles viajantes do tempo.

Jamie tinha uma escolha difícil pela frente; se permanecesse fiel à Coroa até os primeiros estágios da revolução, estaria se declarando um legalista, o que seria fatal com o decorrer do tempo. A curto prazo, entretando, romper com o governo e se declarar a favor dos rebeldes lhe custaria suas terras e provavelmente sua vida.

O conhecimento privilegiado de sua família sobre o futuro é ao mesmo tempo uma benção e uma maldição, que já colocou sua vida em risco muitas vezes, mas também o manteve vivo até agora. Dessa vez, o que Claire, Brianna e Roger sabem sobre a guerra iminente é uma chama que pode guiá-lo pelos ameaçadores anos que virão…ou iniciar um incêndio que reduzirá a vida dos quatro a cinzas.

 

Tinha pensado em ler as duas partes antes de comentar sobre a história, mas essa primeira parte é tão boa que merece um post. (se bem que já ouvi que a segunda supera, em muito, essa!)

Para começar, rever Jamie e Claire é sempre muito bom. E agora como uma família, com a presença de Brianna, Roger e Jem, ficou ainda melhor. Encontramos nossos amigos ainda na Assembléia – o grande encontro de famílias das terras altas – e prestes a celebrar o casamento de Roger e Brianna. Mas nem tudo são alegrias. Jamie recebe uma carta do Governador convocando-o a formar uma Milicia para lutar contra os Reguladores. E assim, ele começa a reunir os homens para cumprir essas ordens.

Enquanto isso, Claire continua a pesquisar a melhor forma de tratar as doenças e os pacientes com os poucos recursos de que dispõe. Pensar em doenças como raiva, tétano, varíola e saber que não há cura disponível é terrível.  E o interessante é que Claire nunca se mostra arrependida da escolha que fez –viver no passado com Jamie é tudo o que importa!

Diana consegue nos transportar para aquela terra selvagem, começando a ser explorada e cheia de perigos e aventuras. O modo como ela descreve as cenas do cotidiano, do trabalho duro, da vida com pouco luxo e cheia de dificuldades é grandioso. Quem já leu algum livro dessa série sabe do que estou falando: você sente o frio, sente os cheiros, visualiza a paisagem, as cenas. Fora as supresas e acontecimentos que nos deixam perplexos e imaginando o quanto de pesquisa ela fez e como a imaginação e estilo dela são únicos.

Já nos agradecimentos eu fiquei deslumbrada. vou citar:

…Dr. Ellen Mandell, pelo aconselhamento técnico sobre como enforcar alguém, depois cortar sua garganta, sem matá-lo no processo. Quaisquer erros na execução dessas instruções são meus.

Por aí já se tem uma idéia do que vem pela frente e como ela nos prende já nos agradecimentos…

Nessa primeira parte a única que me desagradou um pouco foi Brianna – o jeito dela com Roger está deixando a desejar… No mais, fiquei feliz em rever velhos amigos e fazer novos. E agora vou para a segunda parte.

9 comentários:

Carla Martins disse...

Tem um presente pra vc no meu blog!!! Passa lá pra ver!

beijos!

Jeanne Rodrigues disse...

Rê,

mais um comentário entusiasta...

ai, morrendo de saudades do Jamie e louca pra ter logo os livros....

Bjos,

La Sorcière disse...

Querida, esta série de Diana Gabaldon é o meu sonho de consumo.....mas o primeiro livro é MUITO caro!!!!! E não quero ler em ebook....este livro merece ficar enfeitando minha estante depois de eu desfrutar o prazer de lê-lo!!!
Sua resenha me deixou com coceira para comprar :)
Bjs

Débora Lauton disse...

Eu posso fazer uma confissão???
Eu não gosto da Brianna... pronto, falei...rss
Mas, estou doida pra ler esse... não vejo a hora de você fazer a próxima resenha...

beijos,
Dé...

Vitória disse...

Ola Regina!
Meu nome é Vitória e eu vivo dando umas passadinhas pelo seu blog e adoro ver seus livros.
Comecei a ler a série Outlander (peguei na biblioteca do estado), mas aqui em Pernambuco é muito caro então não pude continuar. Por ai os livros são mais baratos?
Também sou fã da Nora Roberts e estou fazendo a coleção (possível) dela.
Hã... eu queria saber se voc~e poderia me ajudar...
Olha, meu e-mail é: vitoriavictor@hotmail.com
e meu orkut (se você tiver): vitoriavictor@gmail.com

Espero seu contato!
E continue assim! :D
Vitória.

Lili disse...

OMG! Preciso ainda comprar os livros. Estou também morrendo de saudades do Jamie!!!

Beijos
Lili

Carla disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Carla disse...

Oi, Regina!

Nos comunicamos por e-mails, mas essa é a primeira vez que deixo um comentário em seu blog, que está cada vez melhor! Continue assim.

Dez vez em quando, dou uma passadinha por aqui. Adoro ler suas resenhas sobre os livros.

Há muito tempo, estou interessada em ler a série Outlander, depois que descobri sobre a autora Diana Gabaldon. Fiquei ansiosa, já que todos tecem elogios ao Jamie! rsrsrs.

Essa série é meu SONHO de consumo! Mas os livros são CAROS demais e não gostaria de lê-los em ebook ( já que muitos tem a tradução péssima!).

Gostaria de adquirí-los, mas com esse preço, vou ter que esperar muito p/ comprar e esperar alguma promoção fantástica!

Nem acho mais o primeiro livro da série p/ comprar.

Adorei essse post, o que me deixou mais ansiosa p/ adquirir os livros e saber um pouco mais sobre essa história que tanto comentam. rs.

Beijos.

Carla.

Regina disse...

Oi meninas!!

Realmente os livros da Diana são caros - mas valem a pena!

Infelizmente, nunca vi uma promoção que seja com os livros dessa série e até na Estante Virtual eles estão salgados!

bjs