20 de junho de 2009

Night Pleasures de Sherrilyn Kenyon

NightPleasuresDarkHunter3599_f

 

Caro Leitor

Você já quis, alguma vez, saber o que é ser imortal? Seguir pela noite perseguindo vampiros que caçam os humanos? Ter riqueza ilimitada, poder ilimitado? Essa é a minha existência, e é escura e perigosa. Eu sou o herói para milhares, mas não sou conhecido por ninguém.  E eu amo cada minuto disso.

Ou assim pensava até uma noite quando acordei algemado ao meu pior pesadelo: uma mulher conservadora com a roupa toda abotoada. Ou no caso de Amanda, abotoada até o pescoço.  Ela é esperta, sexy, espirituosa e não quer saber de nada sobrenatural – em outras palavras, eu.

Minha atração por Amanda Devereaux vai contra tudo o que prego. Sem mencionar que, da última vez em que me apaixonei, isso me custou não apenas minha vida humana, mas também minha própria alma. Ainda assim, cada vez que olho para ela, me pego desejando tentar novamente. Querendo acreditar que o amor e a lealdade existem.

Ainda mais perturbador é que me pego considerando se há alguma chance de uma mulher como Amanda amar um homem cujas cicatrizes de batalha são muito profundas, e cujo coração foi ferido por uma traição tão selvagem que não tem certeza de que algum dia ele baterá novamente.

Kyrian de Trácia.

Kyrian havia sido citado no livro Fantasy Lover. Ele e Julian eram muito amigos e guerreavam juntos contra Roma. Julian descobre que depois de ele “desaparecer”, Kyrian foi capturado pelos romanos e crucificado. Mas a realidade é muito mais terrível: Kyrian foi traído pela esposa – a quem amava desesperadamente, a ponto de brigar com a família e perder o trono da Trácia, ao qual estava destinado – e entregue ao seu pior inimigo: Valerius, o Comandante Romano. São cenas muito fortes e tristes.

O destino, porém, colocou Amanda Devereaux no caminho de Kyrian. Ela é irmã de Selena, melhor amiga de Grace (que se casou com Julian). Amanda é gêmea de Tabitha, que é caçadora de vampiros. Por ser confundida com a irmã, ela acaba algemada com Kyrian – algema essa feita por Hephaestus - e que, portanto, só pode ser aberta por um deus ou com a chave apropriada. Amanda se lembra de Julian (cuja mãe é Afrodite). É quando Kyrian e Julian se reencontram depois de mais de dois mil anos! Achei uma cena maravilhosa e tocante.

Julian então fala para Amanda sobre os Dark-Hunters:

- Quando alguém sofre uma injustiça horrível – ele disse, sua voz baixa – sua alma grita tão alto que ressoa através das salas do Olimpo. Quando Artemis escuta, ela vai até aquele que gritou e oferece uma barganha. Por um simples Ato de Vingança contra aqueles que o injustiçou, ele deve jurar aliança a ela e lutar em seu exército contra os Daimons

Os Dark-Hunters então perdem sua alma e ganham a imortalidade e poderes e riquezas para combater esses vilões. Mas é uma vida de solidão e luta. Amanda, contudo, resolve ajudar Kyrian a combater esse Daimon que está atrás de sua família, um homem com poderes nunca visto e que dá muito trabalho e comete muitas crueldades.

As lutas e conflitos são muito bem narrados e o relacionamento entre Kyrian e Amanda é muito bonito. Pode um homem que amou tanto e foi traído reaprender a amar? A confiar novamente seu coração, sua vida, e, principalmente, sua alma a outra mulher?

Já nesse livro aparece Acheron – o líder dos Dark-Hunters e um homem muito sedutor e enigmático. Outros são citados e a curiosidade para desbravar esse novo universo já me atacou! Mas o que estou querendo descobrir é como ela vai conseguir fazer Valerius me conquistar, afinal depois de tudo o que ele fez a Kyrian e a Julian na antiguidade só serviu para angariar a antipatia devida aos vilões!  Valerius agora também é um Dark-Hunter e acho que vai fazer sua estréia já no próximo livro – Night Embrace.

3 comentários:

Débora Lauton disse...

Essa série parece ser realmente boa... ah, mas eu tenho tantos livros pra ler ainda... e quando leio um desses seus comentários fico muito tentada a largar tudo e ler suas indicações primeiro...

beijos...
Dé...

cat_toledo disse...

tem selinho pra você no meu blog

http://meusromancesblog.blogspot.com/

Débora Lauton disse...

Oi Regina...

Deixei um mimo pra você lá no Leitura nossa...
Espero que goste...

beijos,
Dé...